10 motivos para se apaixonar pela Mulher-Maravilha, por Steve Trevor

Meu nome é Trevor. Steve Trevor. Major da Força Aérea. Fui criado com meus irmãos no Bronx – muito embora minha família seja do Brooklyn. Isto sempre causou confusão quando eu era criança, pois cresci sem conhecer meus parentes que habitavam depois do rio East. De alguma forma, este foi um prenúncio de meu futuro.

Minha história na verdade não tem nada de maravilhoso. Estudei em escola pública e fui ensinado a amar a justiça. Quando cresci, aprendi que servir à pátria era o mesmo que servir o lado certo na guerra do bem contra o mal. Coloquei-me à disposição dos Aliados e, por obra dos deuses do acaso, acabei conhecendo as valquírias, irmãs dos humanos que vivem pra lá de Bagdá.

ricks-cafe-americain

Estou te esperando no Rick’s Café, meu amor.

Então, o que ocorreu de incrível em minha vida? Bem, eu me apaixonei por uma mulher firme e decidida, que me colocou no meu devido lugar: de joelhos e latindo como um urso panda. Não importa mais como, nem quando tudo começou. Nem quero mais saber o que aqueles capangas nazistas pensam de nós. Sempre teremos Paris e os momentos de intimidade burlesca que vivemos naquela espelunca em Montmartre. Enquanto Hitler, personificação do Deus Ares na Terra 1, marchava sobre a Cidade Luz, eu e ela fazíamos amor.

O que importa mesmo é que estou apaixonado. De todas as ilhas, em todos os continentes perdidos do mundo, desde Mu até Atlântida, meu avião tinha que cair justo na ilha dela: a Ilha Paraíso. Droga, eu gosto de você, mulher. Que maravilha… Você acaba comigo!

Estou perdido. Acabado. Renovado. Revigorado. Já nem sei mais. Agora estou aqui no Rick’s Café, tomando Fanta Uva irlandesa e pensando nela, enquanto o pianista, Sam, toca nossa música novamente. Vou aproveitar o clima de descontração funesta para fazer uma lista com os 10 motivos para se apaixonar pela Mulher Maravilha, o amor da minha vida.

1 – Ela foi esculpida no barro

mulher-maravilha-sensation-comicsQuando fui aluno do Curso Bíblico – Módulo I: Introdução à Ira Divina, na Universidade Lusófona de Long Island, aprendi que Deus tem muitas faces. E, veja só, uma delas é totalmente humana. Depois de destruir a Terra no dilúvio, homens e mulheres sobreviventes começaram a contar histórias. Sem saber, eles mesmos estavam desempenhando o papel de deuses, enquanto os personagens narrados são seus filhos.

Embora jamais possamos tocar a face do demiurgo, ele mesmo se esforça para nos alcançar. Jeová colocou a mão na massa para assoprar a vida em Adão e Eva. Da mesma forma, após a amazona Hipólita criar sua filha Diana no barro, veio a deusa Afrodite, e lhe insuflou o amor.

Eu já disse que Diana Prince é a senha para o smartphone da Mulher Maravilha? Mais adiante vou explicar o porquê.

2 – Ela ganhou uma Olimpíada

O que pouca gente sabe é que essa Mulher Maravilha entrou num campeonato de hóquei no gelo somente para brigar. Ela nunca foi fácil. Sempre se metendo em confusão. Até mesmo uma medalha ela ganhou, depois de disputar uma competição helênica para me levar de volta ao mundo humano.

Como não admirar uma mulher que, além de não ser submissa ao patriarcado, também é medalhista olímpica? Somente uma grande disputa entre Ares e Afrodite poderia equivaler em porte e desenvoltura aos jogos que minha musa venceu. Tudo porque, como homem, eu jamais poderia permanecer na ilha das Amazonas.

Ares, você sabe muito bem que, quando as protegidas de Afrodite metem uma coisa na cabeça, é melhor ficar quieto.

3 – Ela é super linda

mulher-maravilha-05Esse é o tipo de afirmação impossível de negar. Quem em sã consciência – ou mesmo num estado de alcoolemia pura, como estou agora – poderia ver na Mulher Maravilha um ser humano indigno de nota, ao menos no quesito charme e sensualidade?

A única coisa que sempre me deixa intrigado é: como ela faz? Qual seu segredo? Sua prima Ilsa Lund me afirmou certa vez, durante um almoço de domingo, que ela usa Avon. O namorado de Ilsa, Dr. Victor Laszlo, me garantiu, enquanto fumávamos charutos após a refeição em família, que não é nada disso; que, na verdade, Diana usa Jequiti. Só falta agora outro parente jurar que na Ilha Paraíso existe uma Fonte da Juventude.

Credo, eu amo parentes que vivem depois do arco-íris, você já sabe disto…

4 – Ela ama o próximo

Assim como nosso senhor no céu nos deixou sua mensagem de amor e esperança, Diana também amou o próximo como a si mesma. Não posso recontar as inúmeras vezes em que trocamos confidências veladas sob luz de velas.

You must remember this, a kiss is just a kiss… A fool is just a fool… I’m a fool in love with you, babe… Sam, você não é garçom, mas encha meu copo!

Allons enfants de la Patrie, Le jour de gloire est arrivé! Deus, eu amo essa mulher!

5- Ela nunca me traiu

mulher-maravilha-super-homemHá uma certa controvérsia nesta afirmação. Eu acredito que ela nunca iria me trair. É uma pessoa de bem e quer lutar pelo fim da guerra. Porém, num belo dia, uma certa Doutora Veneno, disfarçada na forma de um passarinho, me contou que a Mulher Maravilha andava tendo um caso com um repórter abusado do Planeta Diário.

Uma venenosa, isto sim. Não posso acreditar em tamanha falácia. Caso fosse verdade… Nem sei. Poderia eu lavar minha alma com sangue? Jamais, até porque Diana arrancaria meus testículos antes disto. De qualquer forma, fiquei com a pulga atrás da orelha.

O que você acha dessa foto que a Doutora Veneno postou em seu Instagram, na qual Diana aparece abraçada com o Super-Homem? Acho que é montagem…

6 – Ela tem um avião invisível

Quer coisa mais legal que isto? Nem preciso dizer mais nada.

7 – Ela tem um alter-ego

mulher-maravilha-aviao-invisivelPrince. Diana Prince. Enfermeira Militar. Tudo começou quando Mulher Maravilha deixou a Ilha Paraíso para me acompanhar de volta à Terra 1 (Ok, admito que não sei exatamente em que Terra estávamos. Mas nunca fui bom com números). De qualquer forma, era preciso ter algum disfarce, se ela queria ficar comigo. Ou os nazistas viriam atrás de mim (Agora fiquei pensando: estávamos em que planeta? Talvez nem mesmo fosse a Terra, esse Multiverso nos prega cada peça…)

Então Diana pagou para uma enfermeira, muito semelhante à ela fisicamente, para se ausentar e trocar de identidade com a Mulher Maravilha. Depois de um tempo a enfermeira quis voltar e pegar sua identidade de volta, mas já era tarde: se isto acontecesse, os nazistas iriam atrás dela também.

Esses nazistas, sempre aprontando nas infinitas terras

8 – Ela é da paz

mulher-maravilha-sem-poderesNão havia muita opção. Ou eu me calava e deixava ela em paz, ou era tiro, porrada e bomba, amigo. Antes da Crise, depois da Crise, não importa em quantas infinitas terras: sempre vai rolar uma treta por causa de uma coisa boba que deixei fora do lugar, principalmente se for meu óculos Ray Ban.

Sempre digo que o início do relacionamento foi uma Era de Ouro. Tudo ia às mil maravilhas. Entretanto, depois que os anos se passaram, a coisa foi estremecendo e comecei a sentir uma certa frieza. Percebi que ela perdeu os poderes de Amazona e precisou se municiar com armas humanas para combater o mal.

Sendo bem sincero, sofri calado com essa fase de falta de energia em seu corpo e, de alguma forma, senti que fui eu o causador de tantos males. Ela tinha tanto brilho e futuro e, depois de passar pouco tempo comigo, abandonou toda potência que tinha antes. Em meu íntimo, chamei essa fase do nosso casamento de Era de Prata.

9 – Ela manda beijo pras inimigas

mulher-maravilha-pos-crise

Podem vir, Circe, Bárbara Minerva, Rainha das Fábulas, Giganta, Zara, Hypnota, Maligna, Soturna, Trindade, Cyborgirl, Julianna Sazia, Morgana Le Fay, Super-Mulher, Éris, Rainha Atomia… Com a Mulher Maravilha não tem pra ninguém. Venham quente que Diana está fervendo pra vocês.

10 – Ela me faz dizer a verdade

casablanca-cena-aviaoNem poderia ser diferente. Quando ensaio uma mentirinha à toa, Diana logo aparece com aquele chicote maluco e começa a me dar porrada. E o pior é que eu gosto disto. Sinto que sou amado.

Da última vez que isto aconteceu e não perdi a consciência, recordo que eu estava tentando enrolar uma história para poder me encontrar furtivamente com a Mulher-Gato em Gotham City. Todavia, Diana Prince me amarrou firme com seu laço mágico e fez um interrogatório completo, engatando uma pergunta atrás da outra. Toda vez que isso acontece eu não tenho reação. Não tenho para onde correr. Fico gaguejando e conto a verdade de cabo a rabo.

E então, o que achou da minha lista? São ou não são bons motivos para se apaixonar pela Mulher Maravilha? De qualquer forma, mesmo que ela não volte para mim, acho que este pode ser o início de uma bela amizade…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s